Ouça agora

Ouça agora

No Dia Mundial do Meio Ambiente, Semae e IMA debatem compromissos de SC em relação às questões climáticas

Imagem Noticia

Foto: Divulgação / Semae

Compartilhe agora

Postado em 06/06/2024 por Sistema Plug

Dando continuidade à programação do Junho Verde, a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Economia Verde (Semae) e o Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), promoveram nesta quarta-feira, 5, mais um dia de palestra com os servidores das entidades. O evento foi realizado no auditório da sede dos órgãos ambientais, em Florianópolis, para celebrar o Dia Mundial do Meio Ambiente. Na pauta das palestras estavam assuntos relacionados a prevenção, monitoramento e recuperação de eventos climáticos extremos.

O tema da primeira palestra do dia foi sobre os Processos Costeiros que estão acontecendo em Santa Catarina, ministrada pelo professor de Oceanografia da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Pedro Pereira. O docente falou sobre o que se esperar das mudanças no clima futuramente e sobre a importância da preservação das restingas e campos de dunas para evitar desastres nas áreas costeiras.

A abertura dos trabalhos foi conduzida pela gerente de Clima e Energia da Semae, Cristiane Casini Bitencourt, que representou o secretário Guilherme Dallacosta. “Queremos ampliar o diálogo e a integração entre os servidores de órgãos públicos com a academia, para que no exercício das suas atribuições, a Semae possa harmonicamente implementar e continuar elaborando políticas públicas, programas e ações voltadas ao meio ambiente com ênfase às mudanças climáticas”, destacou Cristiane.

Informação e a contribuição da sociedade foi a pauta da palestra da professora de Geografia da Universidade de Santa Catarina (Udesc), Amanda Cristina Pires, que reforçou a importância da comunidade estar bem informada e ser protagonista na prevenção de desastres naturais.

Encerrando o evento, dados da Defesa Civil de Santa Catarina foram trazidos pelo assessor técnico em hidrologia da Defesa Civil, Dieyson Pelinson. Ele apresentou os números de monitoramento hídricos, climáticos e geográficos registrados pelo sistema e que contribuem para o planejamento de ações que minimizem perdas de vidas e patrimônios.

“Finalizamos esse ciclo de palestra no dia mundial do meio ambiente com o sentimento de ter promovido aos participantes reflexões importantes sobre temas da agenda ambiental com quais trabalhamos diariamente para prestar um serviço de qualidade à sociedade catarinense. A equipe da educação ambiental do IMA juntamente com os setores envolvidos na organização do evento deseja que o aprendizado e a troca de experiências promovidas aqui sejam positivas para o aprimoramento dos processos desenvolvidos pelos servidores”, reforçou a oceanóloga que faz parte da equipe de Educação Ambiental do IMA, Bianca Parizotto.

Após as palestras teve ainda a doação de 300 mudas de árvores nativas em frente à sede dos órgãos ambientais. E durante todo o mês de junho diversas atividades voltadas à educação ambiental serão promovidas pelo Estado de Santa Catarina.